movimento ordem vigília contra corrupcao

sábado, novembro 04, 2006

CARANDIRU AÉREO. DESÍDIA DE LULA MATOU MAIS BRASILEIROS DO QUE...


A queda do avião da Gol causou mais mortes (154) que os 111 do Carandiru.


Mas, ao contrário do que aconteceu no presídio paulista, a responsabilidade por este crime fica diluída nas dobras de um poder público imensamente ineficiente.

Primeiro, culpou-se os pilotos do Legacy, que eram estrangeiros, ainda por cima norte-americanos, os suspeitos usuais em qualquer problema que ocorra na América Latina, tenham ou não qualquer tipo de culpa.

Depois, o foco passou para os controladores de vôo. Digamos que tenham de fato errado. São culpados?

Ou culpada é uma administração que forçou-os a trabalhar fora das normas e padrões internacionalmente aceitos? Fala-se de controladores que "pilotavam" 20 aviões simultaneamente, quando o limite normal é 14.

É preciso uma defensora do consumidor como Maria Inês Dolci, na Folha de ontem, para apontar o dedo para o verdadeiro culpado: "O desvio das verbas para segurança aérea, a partir de 2003, já sob o domínio do "nunca ninguém jamais".

Refiro-me aos R$ 286,5 milhões efetivamente empregados no programa de proteção ao vôo até agora, dos R$ 531,7 milhões previstos para este ano". Posto de outra forma, o governo gastou a metade do que deveria gastar para proteger a vida dos passageiros de aviões.

Não consta, por exemplo, que tenha gastado só a metade do que deveria gastar para pagar os credores da dívida pública. Natural: a vida humana, neste governo como em anteriores, vale menos que a bolsa.

O pior é que, se se encontrou a caixa-preta do avião da Gol, a caixa-preta que é a forma de operar do governo no Brasil continua escondida.

É preciso um Carandiru aéreo para que fiquemos sabendo que, cada vez que um avião voa pelos céus do Brasil, seus passageiros correm risco de vida. :: Clovis Rossi - Folha de São Paulo
*
“VÔO 1907, A PONTA DO ICEBERG”
O artigo sobre a relação entre o acidente da GOL, o protesto dos controladores de vôo e a situação da infra-estrutura da aviação comercial no Brasil. Para ler a íntegra do artigo, clique aqui. – Pitacos Políticos

*

LULA É CRITICADO POR AUSÊNCIA EM CÚPULA
Meios de comunicação no Uruguai e na Argentina afirmam que presidente se omitiu num momento crítico para o Mercosul

Presidentes Tabaré Vázquez e Néstor Kirchner sustaram conversas sobre instalação de uma indústria de celulose nas margens do rio Uruguai - "Por que Lula não veio?"

A mesma pergunta foi feita à reportagem da Folha por jornalistas da Espanha, da Argentina, da Venezuela e do Uruguai no primeiro dia da 16ª Cúpula de Chefes de Estado e de Governo dos Países Ibero-americanos, que acontece até domingo, em Montevidéu.

Em um momento crítico da crise entre Uruguai e Argentina, exatamente quando os dois países anunciam que foi interrompido o diálogo, Lula, presidente "pro tempore" do Mercosul, tornou-se motivo de piadas e críticas na televisão e nos jornais uruguaios por ter sido fotografado de sunga, descansando em uma praia. Por Bruno Lima FSP
*
BRASIL PRECISA DE ‘OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS’, DIZ LULA
A indústria de produtos de limpeza está em festa. Em entrevista a jornais europeus, Lula disse que o Brasil precisa de uma “operação mãos limpas”. Referia-se à razia que infelicitou malfeitores na Itália, na década de 90.

No Brasil, considerando-se a quantidade de mãos pilhadas tocando a sujeira desde a década de 90, pode faltar sabonete. Blog do Josias

*

MATAR A SERPENTE NO SEU OVO
Diante das incursões contra a liberdade de imprensa e manifestações de autoritarismo do lulo-petismo, Roberto Freire está propondo a constituição de uma “resistência democrática”, não limitada apenas aos partidos de oposição.

Preocupado com a possibilidade de Lula convocar uma “Constituinte” extemporânea e com finalidades escusas, o Presidente do PPS dedica-se a articular uma “Frente Suprapartidária” da qual participariam entidades da sociedade civil. Desta frente, no seu entendimento, poderão participar também correntes do PMDB, “comprometidas com a democracia”.
A proposta faz sentido. Não se pode deixar o monstro crescer para só depois combatê-lo. Há, no interior do PT e do governo, correntes descompromissadas com a democracia e formadas na velha escola do leninismo e do stalinismo. Se dependesse da vontade exclusiva destes setores, a rotatividade do poder deixaria de existir no Brasil.
O discurso populista e autoritário de Hugo Chaves encontra eco nestas áreas. Se influentes do PT e do alto escalão governamental não explicitam mais estas posições, é porque a correlação de forças, para tanto, não lhes é favorável.
O Brasil é muito mais complexo do que a Venezuela. Não somos apenas uma grande plataforma de exportação de petróleo. Temos uma economia diversificada, de porte médio no planeta. Nossas instituições democráticas têm solidez. Temos uma sociedade civil complexa. Nossa opinião pública não é sensível a práticas liberticidas.
Há condições suficientes, portanto, para serem barradas as pretensões e iniciativas golpistas e autoritárias. A estratégia de uma ampla frente democrática foi o caminho encontrado para a superação da ditadura militar, tendo no então MDB seu grande estuário.
Na época o Partido Comunista Brasileiro (PCB), ao qual Freire pertencia desde a juventude, foi a única força política da esquerda brasileira a rechaçar a aventura da luta armada adotada por grupos esquerdistas e militaristas, cujos remanescentes majoritariamente hoje militam no PT.
A história veio a dar razão ao antigo “Partidão”. Ele foi acusado de ser “reformista”, “conciliador” e até "covarde". O tempo provou que o caminho da resistência democrática, através da luta legal e de massas, foi o mais acertado para a superação do regime militar.
A transição da ditadura militar para a democracia foi conseguida através da vitória de Tancredo Neves no Colégio eleitoral, em 1984, como coramento possível do amplo movimento "Diretas Já".
Diga-se de passagem, que o PT recusou-se a votar em Tancredo Neves, e, indiretamente, colocou-se ao lado dos que queriam a perpetuação da ditadura através da candidatura de Paulo Salim Maluf.
É baseado nesta experiência que Freire pensa agora numa “Resistência Democrática”, adaptada ao atual momento político e com objetivos diferenciados do pós 1964. Agora ela seria uma frente preventiva para barrar, já no seu nascedouro, o golpismo e o autoritarismo.
Seria a aniquiladora da serpente, em seu ovo. Por
Tibério Canuto/Antônio Sérgio

*
A VITÓRIA DA FICÇÃO
Notável na eleição de domingo foi a facilidade com que provas cabais do que governo fez no passado acabaram parecendo, aos eleitores, menos dignas de crédito do que invencionices artificiosas quanto àquilo que a oposição pretenderia fazer no futuro. Nada indicava que Alckmin planejasse eliminar os programas sociais ou privatizar a Petrobrás. Tudo evidenciava que Lula era corrupto e mentiroso. Nas urnas, a ficção prevaleceu sobre a realidade.

O motivo do aparente absurdo, no entanto, é simples e claro. Durante vinte anos a corrupção nacional foi descrita na mídia em termos de luta de classes: era a “ELITE” roubando a multidão dos coitadinhos.

Nesse contexto, o “partido dos pobres” parecia ser mesmo o partido dos puros. Então ficava realmente difícil acreditar que uma organização tão sacrossanta se transfigurasse, da noite para o dia, numa gangue de ladrões. Por. Olavo de Carvalho - Jornal do Brasil
Por Gaúcho/Gabriela (Movimento Ordem e Vigília Contra a Corrupção)

12 Comments:

  • Meu Deus! Que visão Dantesca! Bem que podia ser só ficcção. Mas não. É a nossa triste realidade.

    By Anonymous Sueli Costa, at 12:11 PM  

  • Deixem o homem trabalhar! Assim não dá! à propósito: ande de jégue, daqui prá frente! Ou enqto durar o mandato do Lula. Está perigoso demais voar por esses tempos de lullismo.

    By Anonymous Gardenal, at 12:40 PM  

  • A FAB admitiu que o erro que culminou com a queda do avião da GOL partiu da torre de controle de São José dos Campos, que por sua vez atendeu ordens de Brasília. Esconderam esta notícia para não atrapalhar a reeleição de Lula. Quanto a operação "mãos limpas" sugerida por Lula, tem que começar pelo seu governo.

    By Anonymous Anônimo, at 1:06 PM  

  • A diferença, nesta comparação, entre os 111 criminosos do Carandiru e os 154 passageiros, é que estes eram brasileiros trabalhadores que pagavam seus impostos e tinham responsabilidade por suas famílias. Enquanto a marginalia encarcerada nada fazia, além de custar para o nosso bolso e nos aterrorizar. E, olha, o PT na época foi ferrenho na defesa dos bandidos, na crucificação do Ubiratan. Cortar verbas em setores essenciais é CRIME, porque causa a morte de inocentes. E agora?

    By Anonymous HENRIQUE - GUARUJÁ/SP, at 1:30 PM  

  • Operação "Maõs Limpas"?...Que isso, presidente?

    Recomendo rearmarmos a guilhotina para os ladrões dos cofres públicos, os defraudadores do patrimônio social, os corruptos, os charlatões, os amorais, os agiotas, os atravessadores, todos aqueles que se alinham sob o título criminoso de "colarinho branco", os quais, deliberadamente, matam, envenenam, espalham miséria e fome...

    Sr. Presidente, dê-nos a honra de inaugurar esta fila!

    By Anonymous Siberius, at 1:55 PM  

  • Não interessa para o capitalismo, penas severas como, por exemplo, decepar mãos de ladrões. Isso estragaria uma mão-de-obra. Mas já que a corja vê o “capitalismo” como um sistema de elite e que deve ser combatido, então que se cortem as mãos dos bandidos. Elas não farão falta alguma. Principalmente aquela, na qual já falta um dedo.

    By Anonymous Mário, at 2:49 PM  

  • VISÃO HEDIONTA. UMA AFRONTA!

    By Anonymous CACÁ-SP, at 3:00 PM  

  • Carandiru aéreo dos inocentes.
    Este governo leproso matou!

    Operação mãos limpas.
    Deviam colocar estes vandálos e ladrões, no avião da justiça, e jogados ao mar para os tubarões comerem. OH!! DOCE VIDA!

    By Anonymous Lídia M. Soares ( Bahia), at 4:50 PM  

  • Lulla poderia começar a operação mãos limpas abrindo o sigilo do Japa. Que tal?

    By Anonymous LU, at 5:24 PM  

  • Ô gente mais desesperada, sô!
    Só pq Lula não compareceu a tal reunião já ficam falando do coitado. Imagine a gente aqui, sem presidente duranre o mandato todo? E vamos entrar no próximo sem presidente tbém. É o jeitão dele pô! O Kitchner e o Vásquez, jamais que seriam capazes de encarnar a alma do nosso povinho brasileiro. Muito menos, serviriam pra ser petistas. Muito limitados os dois

    By Anonymous GUILHERME, at 5:57 PM  

  • Aos poucos, um a um dos seguidores da esquerda (os lúcidos, obviamente) vão se dando conta do perigo do terror que é o comunismo. Roberto Freire tem razão em se preocupar e louvo sua iniciativa em querer mobilizar a sociedade e partidos para enfrentarem juntos, este mal que já está instaurado entre nós. Pois que ele ganhe voz e adeptos nessa luta. Porque vamos precisar de muita união.

    By Anonymous Sidney Mascarotti S., at 9:02 PM  

  • As companhias aéreas vão pedir agora, uma indenização ao governo de pelo menos R$ 40 milhões pelos atrasos dos vôos. Os controladores de vôo´já estão dizendo que a situação vai ser caótica neste domingo, quando todos estão voltando do feriado. Mister lula se apropriou dos recursos do Fundo Aeroportuário para fazer superávit primário. Os cadáveres aqui publicados são a prova cabal de mais esse desmantelamento no investimento em segurança aérea e nos aeroportos. E quem vai pagar eesa conta? Nós, os trouxas!

    By Anonymous Anônimo, at 9:59 PM  

Postar um comentário

<< Home