movimento ordem vigília contra corrupcao

quinta-feira, julho 27, 2006

GENOINO RECEBERÁ INDENIZAÇÃO DE R$ 100 MIL COMO ANISTIADO POLÍTICO

A portaria do ministro Thomaz Bastos tem como base o julgamento da Comissão de anistia ocorrido em abril passado.

O candidato a deputado federal e ex-presidente do PT José Genoino Neto foi considerado anistiado político, de acordo com a portaria do ministro da Justiça, Marcio Thomaz Bastos, publicada no Diário Oficial desta quinta-feira. Conforme a portaria, Genoino receberá uma reparação econômica de caráter indenizatório de R$ 100 mil.

A portaria do ministro tem como base o julgamento da Comissão de anistia ocorrido em abril passado.Genoino e outras 39 pessoas foram acusados pelo procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, de pertencer ao esquema do mensalão, que segundo a denúncia apresentada, era operado por uma "sofisticada organização criminosa" comandada pelo PT.

O procurador apontou o deputado cassado e ex-ministro José Dirceu como "o chefe do organograma delituoso" e três ex-dirigentes petistas - Genoino, Delúbio Soares e Sílvio Pereira - como integrantes do "núcleo principal da quadrilha". Por, Nélia Márquez - Vote Brasil

UM ASSALTO VERGONHOSO AOS COFRES PÚBLICOS

Desde 2003, o Brasil já desembolsou R$ 436 milhões e 900 mil reais com o pagamento de pensões e indenizações determinadas por lei aos anistiados políticos do período da ditadura militar.

Com o valor gasto até agora, segundo a ONG Contas Abertas, seria possível pagar um salário mínimo por mês a mais de 1040 trabalhadores durante 100 anos.De janeiro a 7 de julho de 2006, já tinham sido pagos R$ 143 milhões e 800 mil reais aos anistiados.

Em 2005, o valor gasto somente com indenizações chegou a R$ 114 milhões e 100 mil reais.Com esse valor seria possível comprar mais de 15 mil consultórios odontológicos básicos, ao preço médio de R$ 7.500,00 cada um. Por, Jorge Serrão.

UMA AÇÃO ENTRE AMIGOS


A Lei da Anistia beneficia apenas terroristas, verdadeiros traidores da Pátria, que estiveram a soldo de uma ideologia criminosa estrangeira, totalmente estranha à cultura, à tradição e à religiosidade dos brasileiros.

A escória conseguiu aprovar a Lei 9.140/95, que reconhece como mortas as pessoas desaparecidas em razão de participação, ou acusação de participação, em atividades políticas, no período abrangido pela Lei da Anistia. Com base nessa Lei dos "desaparecidos políticos", foram concedidas polpudas indenizações a "perseguidos políticos" e a parentes de terroristas mortos durante a ditadura militar.

Além do terrorista Carlos Marighela, o sanguinário Carlos Lamarca, torturador (mandou matar o capitão da PM de São Paulo, Alberto Mendes Júnior, a coronhadas), ladrão de armamentos do Exército que jurou honrar com a própria vida, também foi enquadrado na elástica interpretação da "Comissão dos desaparecidos políticos", recebendo as respectivas famílias gorda indenização paga pelo erário - vale dizer, por você, contribuinte.

Isso prova, categoricamente, o grau de imoralidade que norteia a Comissão inicialmente presidida por "Numerário" Miranda, em assaltos cada vez mais freqüentes aos cofres públicos. Outro beneficiado pela "piñata" brasileira foi Luiz Carlos Natal, chefe do gabinete do deputado Luiz Eduardo Greenhalg (PT/SP). Irá embolsar R$ 1.015.384,42 e terá pensão mensal de R$ 10.931,51.

O jornalista Hermano de Deus Nobre Alves deverá receber uma indenização de R$ 2 milhões, além de salário mensal no valor de R$ 14 mil. Antes dele, o jornalista Carlos Heitor Cony também conseguiu indenização de R$ 1,5 milhão e remuneração mensal de R$ 19 mil. A alegação nos dois casos é a mesma: a perda de emprego por razões políticas à época da ditadura militar.

ENQUANTO ISTO, AS VERDADEIRAS VÍTIMAS RECEBEM ESMOLAS

Enquanto se estabelece essa ação entre amigos, longe dos olhos de uma justiça neutral, beneficiando, em muitos casos, terroristas, guerrilheiros, seqüestradores, ladrões de banco e assassinos que tumultuaram inutilmente a vida nacional durante a Guerra Suja, mais de uma centena de suas vítimas, ou nada recebem, como o jovem Orlando Lovecchio que teve a perna arrancada por uma bomba quando passava na frente do Consulado Americano, ou são distinguidas com 330 reais por mês como a família do soldado Mário Kozel Filho, morto por um carro-bomba arremessado contra a porta do quartel onde prestava guarda. Por, Percival Puggina.

Quem foi o idiota que disse que o crime não compensa?

Material completo. Um arquino do Mídia Sem Máscara.


http://www.midiasemmascara.com.br/artigo.php?sid=2546

O GRANDE ASSALTO AOS COFRES DA NAÇÃO. ALGUÉM TEM QUE PAGAR POR ISTO.

Não deixe de ler. O mais completo trabalho sobre este assalto, com todos os processos e nomes dos tais “exiliados”

http://www.midiaindependente.org/eo/blue/2006/07/357448.shtml


Comentário:

Ser "perseguido político" virou um excelente negócio para a corja imunda. É fato, que este assalto não começou agora. Mas foi aprimorado por este desgoverno, é claro. Como nunca estamos premiando com alguns milhões de reais os baderneiros, vagabundos e criminosos.

Se a história repetir-se, com quem iremos contar, se os que ontem defenderam o País estão passando por criminosos? Deve ser pela primeira vez, no mundo, que os vencidos de uma guerra julgam e punem os vencedores. Por, Gaúcho/Gabriela (Movimento da Ordem e Vigília Contra a Corrupção)



4 Comments:

  • Realmente, isso é um assalto aos cofres públicos e à moralidade!

    By Anonymous José Daniel, at 11:24 PM  

  • É impressionante que um homem que não contribuiu com a Previdência receba salário (aposentadoria?!) como exilado político. Enquanto isso, milhares de aposentados do país, que pagaram durante anos por suas aposentadorias, não conseguem o reajuste. Não é à toa que o patrimônio do presidente Lula dobrou nos últimos anos. É dos mais pobres que ele está tirando sua "aposentadoria". Isso, prá falar do resto cujos nomes nem dá vontade mais de pronunciar.

    By Anonymous Sueli Costa, at 12:51 PM  

  • E como não bastasse a patifaria, o Lulla ainda suspendeu o pagamento de IR sobre indenizações, do qual ele se baneficia, inclusive.
    Vai ser bandidado assim lá no inferno.

    By Anonymous Adeilson, at 1:05 PM  

  • Só é possível acreditar numa coisa: esses caras devem acordar pela manhã já pensando num jeito de roubar o povo; e vão dormir pensando na mesma coisa. Elles vivem prá isso.

    By Anonymous Joaquim, at 2:38 PM  

Postar um comentário

<< Home