movimento ordem vigília contra corrupcao

segunda-feira, julho 17, 2006

VOCÊ JÁ OUVIU FALAR DESTE "ILUSTRE" DESCONHECIDO??


MOSES HESS?...

Pois bem! Ele, cujo nome real era Moritz Hess, na verdade, foi o cara que de fato inventou o comunismo! Foi o primeiro, dentre os jovens hegelianos que admitiu este “credo”. Marx e Engels foram apenas os lançadores do comunismo, em 1848.

Encontrei este precioso material lá nos arquivos do MídiaSemMáscara. Foi escrito em outubro de 2004, por Huascar Terra do Vale. Dei uma complementada com as barbáries que estão ocorrendo atualmente. Reescrevi algumas poucas coisas e resumi outras. Mas, o autor desta preciosidade (que nos explica com exatidão a essência maligna que norteia nossos tristes dias) é ele: Huascar. Um material pra lá de esclarecedor.

Richard Wurmbrand, um pastor que ficou nas garras dos comunistas por quatorze anos e relatou que Moses Hess, antes de proclamar-se comunista, praticava ritos satânicos e, particularmente a Missa Negra. A Missa Negra é uma paródia obscena da missa católica. É o ritual mais impressionante dos ritos satânicos. Que por sinal, dramatiza uma radical adoração do mal e a rejeição absoluta dos valores judaico-cristãos. O que é considerado "BEM" para a Civilização Ocidental", para eles é considerado "MAL" e vice-versa.

Neste culto macabro fazem tudo ao contrário. O crucifixo é exibido de cabeça para baixo, e o símbolo do demônio é o pentagrama, ou seja, a estrela de cinco pontas, na cor vermelha, cor do sangue, símbolo do inferno, morada do demônio. Praticam o batismo com água suja. Em vez de música sacra toca-se o tipo de barulho chamado "heavy metal" ou semelhante. Desnecessário dizer que drogas são consumidas abundantemente. Horrendas orgias sexuais são praticadas freqüentemente com sacrifícios de crianças, simbolizando a eucaristia. Inclusive no Brasil, missas negras são praticadas com sacrifícios de crianças. E, inúmeras vezes, foram noticiadas pela mídia. Podemos, imaginar que a maioria das missas negras jamais são descobertas.
IMPORTANTE: Tem razão o autor quando comenta que esta exposição, em nada tem haver com a crença em "deus ou no diabo". Que, deve ser levado em conta, é que estes que veneram Satan fazem os mais apavorantes rituais para demonstrar sua rejeição aos que chamam “a elite dominante" ou como Marx preferia chamá-los, "os burgueses".

Pouquíssimas pessoas conhecem a importante influência satânica de Moses Hess, sobre o filósofo Marx e Engels. Segundo o pastor Wurmbrand, ambos, antes de estudarem economia, iniciaram-se nos mistérios do satanismo por meio de Moses Hess. Foram graduados nesta matéria macabra, após longas ilucubrações diabólicas. Sendo assim, chegaram a uma versão “light” do culto ao demônio, sob o fraudulento nome de "COMUNISMO". Enfim, esta coisa, é capaz de confundir e atrair milhões de pessoas que acreditam no discurso simplista da fome e miséria, quando todos nós sabemos que as discrepâncias sociais se curam com o capitalismo. Emprego e salário digno.


Conforme bem definiu o Pastor Wurmbrand, "O COMUNISMO NÃO PASSA DE UMA FACHADA PARA O SATANISMO", tornada palatável com uma série de baboseiras criadas por Marx, como "luta de classes", "mais valia", "materialismo histórico", "ditadura do proletariado", "justiça social", e outra idiotices.


Na prática, como autêntico regime satânico, que adora o mal e não o bem, o comunismo representou o regime mais cruel e retrógrado de toda a história da humanidade, responsável pela tortura e morte de quase duzentos milhões de pessoas no século passado, além de retumbante fracasso financeiro e destruição do ambiente em dezenas de nações. O comunismo-satânico foi a maior desgraça que jamais atingiu a humanidade, embora, para enganar os trouxas, só fala em "paz", "justiça social" e outras mentiras.
As origens satânicas dos esquerdopatas-tupiniquins. Mais especificamente, dos que sofrem de petismo-lullismo.

Nosso país, está em poder desta orgia macabra da esquerda (dos adoradores do mal), pelo menos desde a fraudulenta constituição de 88. Neste período, a criminalidade avançou assustadoramente e chegou aos ataques terroristas, pois não existe "vontade política" para combatê-la, devido à inversão dos valores.

Agora os bandidos são heróis satânicos! O MST e outros bandos fora-da-lei (organizações paramilitares, proibidas pela constituição), como nunca estão roubando e agredindo violentamente os homens de bem. A corja está inclusive, respaldada financeiramente por este déspota-satânico. Até mesmo o odiento PCC, conseguiu crescer e se estabelecer, fazendo parcerias com grupos terroristas internacionais. E, ninguém toma providência. A maioria dos nossos "defensores da sociedade", os que têm obrigação constitucional de nos proteger, parecem ter sido contaminados com esta inversão dos valores. Eles enfiam a cabeça na areia como avestruz e fingem nada ver e nada saber. Calam-se, VERGONHOSAMENTE.


Um certo ex-frei, paladino da "Teologia da Libertação" (este mesmo, o ex-picado pela mosca-azul do PT) chegou a lamentar, por exemplo, que não fossem 25 os aviões utilizados nos atos de terrorismo do dia 11 de Setembro em Nova York, pois, segundo ele, se morressem mais americanos, "melhorariam as condições das favelas do Rio de Janeiro". Estas manifestações demonstram como o comunismo/satanismo é uma patologia mental gravíssima. Comunistas perdem toda a sensibilidade para com o sofrimento alheio, a ponto de Stálin ter declarado que a morte de milhões de pessoas não passa de mera estatística. Todo comunista é um "serial killer" em potencial.


Sob os auspícios do Ministério da Educação, o satanismo há muito chegou às salas de aula. O ensino dos valores judaico-cristãos foi substituído pelo marxismo, um disfarce do satanismo. Os grandes heróis nacionais, tais como o grande Duque de Caxias, são esquecidos, e bandidos como Lamarca, Marighela, Prestes, Olga Benário, Guevara, Fidel Castro, são exaltados.


Os marginais dos anos sessenta, que tinham por objetivo entregar o Brasil a União Soviética, além de implantar a mais cruel ditadura e dizimar os patriotas, cometeram assaltos, seqüestros, assassinatos, torturas, propaganda maciça enganosa e, em vez de serem submetidos à corte marcial, por traição à Pátria, ainda influenciam e ocupam (mesmo por que fora, nos bastidores), altos cargos na Nomenklatura petista e recebendo, por seus crimes, recompensas que já se aproximam dos dois bilhões de reais. Alguns chegaram até a ministros... da Justiça!


Após o fragoroso fracasso da União Soviética, em associação com o caquético ditador comunista Fidel Castro, assassino de milhares de patriotas, os comunistas do Brasil e outros paladinos-insanos da vizinhança resolveram ressuscitar na AL o "Império do Mal" , realizando anualmente o Foro de São Paulo.


A primeira etapa seria conquistar a presidência do Brasil. Missão cumprida. Em seqüência, o governo, impregnado dos ideais satânicos, além de tentar desarmar a população honesta, quis controlar a mídia, o cinema, os livros didáticos (doutrinação satânica) e também a produção intelectual. Bom, chegou ao desplante de entronizar o pentagrama, símbolo do satanismo, do PT e do comunismo no meio jardim do Palácio do Planalto.


Pois bem, sejamos realistas! Nosso país, está sob o triste domínio deste adorador de Satan, que ardilosamente está subvertendo a ordem de valores e desencadeando a maior ondas de crimes que já se viu. O sinal vermelho está aceso: é urgente explodir este covil, com todos os seus representantes peçonhentos, dentro. Temos que acreditar que, pelo menos parte de nossas Forças Armadas há de estar íntegra e não contaminada pela peçonha. É com estes, que a parcela da população ainda “não-infectada”, precisa urgentemente se UNIR e buscar formas de REAGIR! Temos que preservar nossa democracia e, para isto, será fundamental mandar o Lulla pro diabo que o carregue.
Por, Gaúcho (Movimento da Ordem e Vigília Contra a Corrupção)

Comentário:

UPOPIA: Karl Marx. Sua falha fundamental foi querer explicar a vida social: ser a superestrura um simples reflexo da infra-estrutura, explicar-se toda a vida social, exclusivamente, pelo fator econômico, foi certamente esquecer toda a cultura espiritual de uma sociedade, religião, política, ciência, filosofia, arte e etc.. Por causa de sua mais importante obra (O Capital) vivemos cercados da mais requintada perversidade e praticada contra pessoas inocentes. Dir-se-ia um bando de sanguinários facínoras a dar repastos aos seus apetites bestiais. Vamos tirar a "besta- fera" de lá. Por, Gabriela (Movimento da Ordem e Vigília Contra a Corrupção)

4 Comments:

  • Desconhecia sobre o aprendizado satânico. Parabéns, Sr. Gaúcho, por trazer à tona, assunto de interesse de toda sociedade aterrorizada, pelo provável regime do Satan.

    By Anonymous Suzana Martins, at 11:02 PM  

  • VÁ DE RETRO SATANÁS!
    NÃO TE QUEREMOS ENTRE NÓS!
    OUTUBRO ESTÁ AÍ!

    By Anonymous cacá/sampa, at 12:13 AM  

  • Com uma confusão planificada e dirigida, imprime-se ritmo vertiginoso à realização das reformas, gaguejadas através dos micro­fones comprados com o dinheiro da traição ao regime.

    Procura-se hipnotizar, aturdir a Nação, inibir suas reações críticas e a liberdade de suas opções. Não se permite ao povo nem mesmo a possibilidade de sofrer o seu drama, pois este não existe onde se oblitera a consciência e se coage a liberdade.

    Estamos na iminência de tratar a mais aguda crise histórica e institucional do país, cuja superação exige a convergência de todas as reservas de prudência e sabedoria política, através de um comportamento automático, de um ato reflexo de defesa instintiva.

    Nesse jogo alucinante de conciliação dos contraditórios, os mesmos artífices da desordem social que sofremos, fugindo à responsabilidade dos cargos que ocupam, apresentam-se como juízes dos males que criaram os salvadores das massas.

    No duelo mortal em que o desumanismo marxista e a política caudilhesca, dramaticamente, disputam, com o gênio de nossa civilização latina e cristã.

    Optamos pela nossa natureza de homens livres, pois não queremos ser escravos, nem apóstatas.

    By Anonymous Frederico, at 9:58 AM  

  • Fascismo, comunismo, nazismo e todos os outros ismos totalitários produziram ao longo dos tempos algumas das mais pavorosas cenas de intolerância perpetradas pelo homem contra alguém que ele julga diferente. Fogueiras, patíbulos, decapitações,guilhotinas, fuzilamentos, extermínios, campos de concentração,fornos crematórios, suplícios dos garrotes, as valas dos cadáveres, as deportações, os gulags, as residências forçadas e a Inquisição.

    By Anonymous Anônimo, at 6:16 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home