movimento ordem vigília contra corrupcao

sexta-feira, junho 15, 2007

POR QUE NÃO VOTO NO CRISTO

Houve um tempo em que Lula seria uma barbada na escolha das Sete Maravilhas do Mundo.

Não tinha pra Machu Pichu, Taj Mahal, Torre Eiffel, Muralha da China, nada. Ninguém derrotaria o homem neste ou em outro tipo qualquer de eleição antes de tudo isso que não pára de acontecer desde o dia de sua posse em janeiro de 2002. Por isso, imagino quem o levou à Presidência, mesmo a turma que não está propriamente arrependida, permanece indeciso e até meio ressabiado sobre o tal voto em Cristo pela Internet para uma das novas Sete Maravilhas do Mundo. Eleição não é coisa que ultimamente tenha feito bem aos eleitos. Melhor deixar Jesus fora dessa, né não? Por Tutty Vasques

Quantos não decepcionaram nosso voto? É claro que Cristo leva a vantagem de não ter irmãos e apenas um Judas entre os mais chegados. Estamos, enfim, tratando aqui de hipótese absurda – a de Cristo ter um dia que ficar explicando que não sabia disso, não sabia daquilo –, estátuas não falam, mas, sei lá! Tem-se visto coisas! Já imaginou se depois de eleito ele cai lá de cima sobre uma comunidade pobre de Botafogo ou Santa Teresa?

Pensei nisso na quinta-feira, quando Lula subiu o morro – segundo a coluna de Ancelmo Gois, pela primeira vez na vida – para se engajar na campanha do filho do Homem, “Vote Cristo”. Entrou nessa como se tivesse escolhido seu sucessor. Conta com a boa vontade do noticiário: “Vitória do Cristo pode injetar US$ 89,43 milhões na economia” – dizem os jornais. Falta ainda mobilizar o brasileiro, que tem pelo menos um bom motivo por dia para estar absolutamente desencantado com o voto e, no caso, temeroso com o futuro da imagem de Cristo. O Rio de Janeiro já tem problemas demais para ainda sediar uma tragédia envolvendo o nome do “Senhor”.

Eu que andava indeciso, decidi não votar no Cristo – depois de assistir pela TV a performance da comitiva do Lula no palanque do Corcovado.

Falava-se em transferir os 53 milhões de votos do presidente para o Redentor, que lindo! Estava todo mundo lá. O governador Sérgio Cabral chegou a sugerir que Lula ficasse na mesma posição de Cristo, mas a bursite, imagino, o fez declinar da pose. Foi um raro instante de comedimento. O presidente estava eufórico, nunca na história deste país alguém pediu voto para uma estátua daquele jeito:

– Ele é uma unanimidade: não tem partido, nunca pediu para ser deputado, vereador, prefeito ou presidente da República.

Será que não seria melhor deixar a coisa como está? Por que diabos a política decidiu tomar a frente da eleição de um monumento religioso? Diz o Lula que “nós temos que cuidar da nossa imagem”. Como se houvesse algo de errado com a imagem do Cristo Redentor. “O brasileiro tem mania de falar mal do Brasil lá fora.” O leitor por acaso já viu alguém indignado com o Corcovado?

Com todo respeito à opinião do presidente, não se está aqui querendo preservar a imagem do Brasil, mas sim a do Cristo. Acho que vou votar no Coliseu de Roma. Na Itália, imagino, os políticos estão pouco se lixando para isso. Brincadeira de Ong tem limite.

Quanto ao baixo-astral que Lula reclama nos brasileiros, testemunhei dia desses em adesivo de pára-bisa uma dessas manifestações comoventes de fé no que virá circulando a bordo de um Fiatzinho Uno engarrafado em Botafogo: “Algo vai dar certo!” Cuida disso, presidente. E vamos deixar o Cristo fora dessa, combinado?! Site No Mínimo

A RECAÍDA DE LULA
Só pode ser o “efeito Vavá”.
De tanto encontrar na mídia notícias cada vez mais incômodas sobre as insalubres ligações do irmão Vavá com o chefão dos caça-níqueis Nilton Servo, além de outros pecados veniais também descobertos pela PF, o Lula começou a acusar o golpe.

O primeiro sinal, numa entrevista em São Paulo, na terça-feira, foram as suas evasivas sobre o conhecimento que pudesse ter das movimentações do “ingênuo” irmão. Na mesma entrevista, pôs-se a fustigar a PF pelos vazamentos das apurações sob sigilo de Justiça na Operação Xeque-Mate, motivado, segundo ele, por brigas políticas internas.

Depois, durante o lançamento do Plano Nacional de Turismo - tinha tudo para ser amena - mas o presidente dela se valeu, surpreendendo a audiência, para fazer um delirante ataque aos meios de comunicação que desestimulariam o brasileiro a passear, por não publicarem “nada de bonito” sobre o País.

Pela enésima vez, portanto, a imprensa é execrada por contar a verdade - no caso, a verdade da violência urbana, que tende a induzir as pessoas a ficar em casa, e ainda, dramatizou Lula, a ver se não há ali uma fresta, “para não vir bala perdida”.

O que queria o presidente que a imprensa fizesse ao contemplar o retrato oficial da insegurança que atormenta o cotidiano dos brasileiros pintado por ele? Quem sabe sugerir ao povo que “relaxe e goze”, na linha do conselho dado por sua ministra Marta Suplicy. Texto completo no Estadão aqui

NOTAS FRIAS COMPLICAM “NEGÓCIOS” DE RENAN

Todo mundo já sabia que a documentação de Renan era fajuta, mas agora ficou comprovado. E a Rede Globo foi para cima, com a manchete: "Exclusivo! O "JN" investiga empresas que o senador Renan Calheiros diz que compraram gado de suas fazendas e descobre notas frias e gente que afirma nunca ter feito negócios com ele".

ACINTOSA BLINDAGEM DE RENAN
Deu no Estadão - É a primeira vez, desde que existe aquele Conselho de Ética, há 14 anos, que se tenta uma absolvição prévia por rito sumário - e esse ineditismo deve se estender a quantos Legislativos possuam uma instância interna de aferição do comportamento ético de seus integrantes. É aberrante que se dispense de qualquer investigação uma denúncia grave, que atinge em cheio a reputação daquele que comanda a instituição. Trata-se, claramente, do corporativismo mais primitivo, que confunde os Poderes com seus ocupantes - e eis aí um dos fulcros principais da impunidade institucionalizada que tem se assenhoreado do País.

GENERAIS ATACAM A DECISÃO SOBRE LAMARCA
Numa das mais fortes demonstrações de descontentamento desde o fim do regime militar, em 1985, generais do Exército atacaram ontem, no Rio, a concessão da patente de coronel ao guerrilheiro Carlos Lamarca e de benefícios a sua família, pela Comissão de Anistia do Ministério da Justiça. O general-de-exército Luiz Cesário da Silveira Filho, comandante militar do Leste (responsável pelas tropas no Rio, em Minas e no Espírito Santo) foi o mais enfático. "Tudo o que é falta grave que pode ser cometida esse assassino cometeu. E está sendo premiado aí! É lamentável, lamentável! Espero que não vá até o final esse processo." Assinante da Folhamais aqui

CARLOS E CARLOS
Chegou pela AP aos sites do exterior que o "Brasil dá anistia ao ex-líder guerrilheiro Carlos Lamarca". O texto traz as reações opostas de Nilton Cerqueira e da filha de Lamarca. De outro lado, ecoa por sites católicos conservadores, como o americano CNA, a entrevista de Frei Betto ao site católico progressista Adital, latino-americano. O que levou à forte reação foi que "Religioso elogia Fidel e o mentor da Al Qaeda", no caso, o finado guerrilheiro Carlos Marighella. Por Nelson de Sá – FSP

DITADURA ENVERGONHADA
Hugo Chávez não se assume como ditador para continuar recebendo apoio dos colegas de pantomima bolivarista, dentre os quais Lula. É o movimento autoritário mais cínico que a América do Sul já assistiu, porque se finge de democrático. Ou melhor, se fingia.

Chávez mandou fechar os dois principais institutos de pesquisa da Venezuela, depois que eles indicaram que a maioria da população reprovava o fechamento da RCTV. Alegou motivos de ordem tributária.

O mais curioso é que, diante de tal nível de arbitrariedade e truculência, ainda há gente – nas universidades brasileiras está cheio – discutindo os métodos de Chávez como uma alternativa democrática.

O ovo da serpente nunca foi chocado de forma tão doce e distraída. No governo brasileiro, embalado pelos ventos chavistas, já há dentro do Ministério da Justiça autoridades relativizando a autonomia das emissoras de TV. A liberdade de expressão delas está subordinada aos interesses do Estado, do qual são concessionárias, argumentam os burocratas.

A situação é promissora. A distância entre botar um cabresto na liberdade de expressão e fechar institutos de pesquisa inconvenientes pode sumir num piscar de olhos. Por Guilherme Fiuza – No Mínimo

MST E POLICIAIS ENTRAM EM CONFRONTO EM BRASÍLIA
Um tumulto generalizado marcou a marcha do bando do MST realizada, na tarde desta quinta-feira, na praça dos Três Poderes, em Brasília. Líderes do MST gritaram palavras de ordem em carros de som que estão no local: "podem matar, podem usar de violência contra os manifestantes, que nós não vamos parar a marcha que luta pela reforma agrária" - Portal Terra – Leia mais aqui

COMENTÁRIO:
Pesquisa choca a oposição (material publicado no site do C. Humberto)
Apesar dos escândalos, o presidente Lula permanece sem adversários eleitorais, segundo pesquisa do cientista político Antônio Lavareda, o favorito do PSDB e do Democratas. Pela pesquisa, Lula até seria reeleito no primeiro turno para um terceiro mandato. Mais: o PT retoma uma imagem positiva junto ao eleitorado, no Nordeste. A notícia deixou tucanos e ex-pefelistas em estado de choque.

ASSIM, NÃO DÁ!
Não é por nada, mas o tal Lavareda já fez muitas previsões furadas por época do período das eleições presidenciais.

No espaço Economia de Recife, da UOL, tem publicada uma matéria de 03/04/2007, com o seguinte título: “Antonio Lavareda está na mira da CPI”.
"O cientista político Antonio Lavareda é o novo alvo da CPI dos Precatórios, que deseja saber se ele teve, ou não, participação nas operações para emissão de títulos estaduais em Pernambuco, em parceria com o Banco Vetor. Viana foi sócio de Lavareda na empresa de consultoria Polo, e a CPI já tem indícios de sua participação na emissão de títulos em Pernambuco, e na tentativa de emitir títulos em outros estados, a exemplo do Maranhão e Distrito Federal. Viana deve ser ouvido pela Polícia Federal de Pernambuco até amanhã".

Então, fica a pergunta:
Por que os partidos da oposição insistem neste tipo de preferência? O momento é muito crítico para ficarmos jogando fichas preciosas em pessoas comprometidas com escândalos. Obviamente, que não pretendemos julgar o mérito desta acusação. Até porque o Lavareda sequer tinha sido convocado conforme consta na data da publicação da matéria.

Achamos inconcebível, no entanto, que a oposição fique dando créditos justamente àqueles que no momento estão em débito com a justiça e devem comprovar sua inocência.

Esta postura descuidada da oposição (...) isto sim, é o que nos deixa em “estado de choque”. Ainda mais em se tratando de uma pesquisa de opinião sobre a condecoração de um Estado corrupto num momento desgraçado como este.

No reino das mentiras pouco sobra para acreditarmos, principalmente com relação às pesquisas favoráveis ao desgoverno. Este tipo de “fé” da oposição (...) tem sido algo a se pensar. Por Gaúcho/Gabriela (MOVCC)

PS:. A propósito: O Lula não quis abrir os braços para ser fotografado próximo ao Cristo porque tinha certeza que se o fizesse, as manchetes de hoje na Imprensa seriam: “Lula se compara a Cristo”.

3 Comments:

  • Gabriela e Gaucho,

    Existem outras "maravilhas" disputando. Por uma questão de estética, não votaria na estátua do Cristo. Por uma questão de coerência não votaria na estátua do Cristo: tudo onde o Lulla põe a mão cheira mal. Por isso deixei de torcer para o Corinthians, não toço mais para a seleção e qualquer esporte individual em que o integrante fale bem do Lulla...passo a torcer contra.

    Abraços,

    By Blogger CAntonio, at 3:14 PM  

  • A corrupção, o roubo do dinheiro público, a violência a falta de respeito dos homens públicos para com os contribuintes e eleitores já se tornoucoisa corriqueira e normal, tudo por culpa da impunidade e por culpa da ausência, inércia, irresponsabilidade e da própria desonestidade do povo brasileiro. Nós não fazemos por merecer coisa melhor, eles são um reflexo do que somos. O senso de valores e de prioridades dos brasileiros é totalmente equivocado.

    By Anonymous Cidadão Brasileiro (envergonhado), at 7:56 PM  

  • Realmente nunca se viu tantas notícias escandalosas como nos últimos tempos, infelizmente muita gente envolvida que se acreditava ser diferente. Mas aí dizer que o governo Lula é o pior e mais corrupto, é por que não se conhece a história do país,ou quer se enganar, pois desde o seu "descobrimento" já foi uma fraude.Uma coisa é não concordar com algum projeto do governo, outra coisa é não querer concordar e não gostar do atual governo, o que acontece por preconceito, por não "gostar" do partido. Tem muita coisa positiva acontecendo,até as próprias denúncias, que antes eram abafadas; nunca se descobriu tanta sujeira porque esta sujeira estava debaixo do tapete há muitos anos. FHC foi um dos que mais varreu sujeira para debaixo do tapete.E olha que isto custou bilhões para os cofres públicos. E quanto ao voto seguro, na minha cidade o PSDB comanda as falcatruas, sabe-se que tem sujeira da grossa, elegem quem eles querem, com certeza a urna não é confiável, pois os resultados sempre "batem" com a "expectativa deles", e não se consegue fazer nada. Vocês têm sugestão?

    By Anonymous Anônimo, at 12:21 PM  

Postar um comentário

<< Home