movimento ordem vigília contra corrupcao

terça-feira, junho 27, 2006

O “VIDEOTA” E SUA RETÓRICA FUTEBOLÍSTICA

Lula usa seleção para escapar de críticas à corrupção no governo
Uma reportagem publicada nesta terça-feira pelo New York Times, assinada por Larry Rother, diz que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva usa o sucesso do futebol brasileiro para responder a críticas de incompetência e corrupção em seu governo.

Na reportagem, o jornal diz que "com a chegada da fase mata-mata (eliminatória) da Copa e a proximidade das eleições, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva encontrou a forma perfeita de unir suas duas maiores paixões".

Segundo o jornal, ele responde a críticas da oposição sobre incompetência e corrupção em seu governo, evocando comparações com o futebol, "com a popular e bem-sucedida seleção nacional"."Como no futebol, nós não vamos chorar sobre os gols que não marcamos ontem", disse o presidente, segundo o jornal, em um discurso após o Brasil obter uma vitória não convincente sobre a Croácia."O que nós vamos fazer é pensar nos gols que nós vamos marcar."De acordo com o jornal, os brasileiros podem contar que vão ouvir esse tipo de discurso a cada quatro anos.

A Copa do Mundo não apenas coincide com a corrida presidencial brasileira, mas, quase inevitavelmente, acaba "respingando" sobre a campanha, escreveu o repórter. A reportagem diz ainda que, segundo o folclore político, uma vitória na Copa fortalece o presidente.

Time que está ganhando.
Em suas declarações públicas, Lula freqüentemente usa metáforas do futebol para explicar suas ações, diz o jornal, citando o exemplo de quando a oposição pediu, no ano passado, que o ex-ministro da Fazenda, Antônio Palocci, fosse demitido por causa de seu envolvimento em um escândalo de corrupção.

Lula defendeu a permanência do ministro, lembra o jornal, comparando-o ao craque eleito o melhor jogador do mundo no ano passado."Por que vou mexer com o Palocci?". "Isso seria a mesma coisa que retirar Ronaldinho do Barcelona", disse Lula."Às vezes, Ronaldinho erra um chute, mas deixe ele jogar." "Poucos são tão astutos como o Senhor da Silva", escreveu Rother.

O entusiasmo genuíno de Lula pelo futebol contrasta com a atitude do "intelectual" Fernando Henrique Cardoso, diz a reportagem, lembrando que, em sua biografia, FHC admite não assistir muito a jogos pela televisão, preferindo ler livros. :: BBC e The New York Times


LULA SEM POLITETRA-FLUOROETILENO



Essa história de que Lula pode "fazer tudo", "errar tudo", compactuar com a corrupção e proteger corruptos e ainda ter condições de se candidatar à reeleição não é um fenômeno de amnésia coletiva do povo brasileiro, mas um golpe de marketing político. Se dúvida existisse, a comprovação veio sexta, 16 de junho, na Folha, com o artigo "Por um debate de idéias", no qual o presidente do PT e ex-ministro da Previdência, Ricardo Berzoini, cita-me, indignado, por ter exposto as relações pessoais e apoios explícitos que o presidente Lula dispensou e continua dispensando aos corruptos do "mensalão" e de outros escândalos do atual governo.

Reclama que estou "arruinando reputações em prejuízo da verdade". Propõe que se discuta tudo, mas se esqueça a corrupção. Ou seja, pede que esqueçamos a verdade e que passemos a falar de mentiras e fantasias. Pois assim, como já recusamos a chantagem do próprio Lula que havia, debochadamente, desafiado a oposição a tratar de corrupção na campanha eleitoral, venho recusar a cavalheiresca proposta do ex-ministro petista de excluir o "mensalão" e outros escândalos do debate político. Não. Não deixaremos que avancem até outubro as manobras de encobrimento de Lula e seus corruptos.

Estamos na hora limite para desmontar essa monstruosa manobra político-eleitoral e vamos destruí-la. É importante considerar, desde já, que não está havendo relaxamento moral, muito menos uma condescendência ou cumplicidade por parte da sociedade, mas um entorpecimento popular por overdose de propaganda, montada com tal frieza e cinismo que tem até nome em código: politetra-fluoroetileno.

O nome da operação indica seu caráter solerte, já que consiste em evitar que "peguem" na imagem de Lula as verdades do seu governo, permitindo-lhe, aparentemente limpo e fagueiro, propalar mentiras e apropriar-se, como se fossem suas realizações, de iniciativas de outros.

Em 2002, juraram um "programa" e "compromissos" que não cumpriram. Na verdade, eram apenas palavras e imagens de TV, pois nada do que foi dito e mostrado foi feito no governo. Além do mais, é significativo que a "operação politetra-fluoroetileno" apenas esconda, com o nome científico da substância, a marca de fantasia teflon que os fabricantes usam para anunciar panelas onde nada gruda.

Mas Lula não tem teflon, apenas foi protegido por uma operação de marketing que se esgotou. Acabou-se a conspiração do teflon, a verdade sobre a corrupção o estigmatizará. por Jorge Bornhausen, na Folha de S. Paulo

VOANDO BAIXO

Lula voltou a bombardear a administração de FHC. Comparou o Brasil que lhe foi entregue pelo antecessor a um avião com peças desmontadas. Disse ter conseguido “arrumar a coisa”. Imodesto, afirmou que os críticos do passado estão de cabeça virada. “(...) Não sabem como explicar como é que a gente resolveu o problema da economia brasileira”. Josias de Souza

Comentário
Realmente! O ex presidente FHC, governou o país viajando no Sucatão, e Lulla, assim, que assumiu o governo, tratou logo de providenciar seu luxuoso Aerollula, digno de xeiques árabes. E, assim, o nosso incompetente “aprendiz de jardineiro” do Planalto ( seu Gardiner) segue blasfemando, tentando se comparar ora ao FHC, ora com Ronaldinho, ora se achando o próprio enviado de deus. Enfim, Lulla, não existe sozinho! É o tipo de pessoa que precisa dos outros para tentar convencer-se de que elle existe. É como um espelho sem reflexo. Um nada! Um lixo! Uma coisa rasteira, sem alma. por Gaucho/Gabriela, Movimento da ordem e Vigília Contra a Corrupção.


5 Comments:

  • Lulla é o próprio cabedal de asneiras. Um ladrão totalmente ignorante. Hoje, os ladrões tem uma certa cultura e são letrados. Ate nisso, o Lulla é uma vergonha.

    By Anonymous Jiba/SP, at 8:59 AM  

  • Larry Rother sempre esteve certo em seus comentários, desde os assuntos etílicos até os futebolísticos!!

    By Anonymous José Daniel, at 1:36 PM  

  • ... est quasi asinus coronatus ( um rei iletrado é um jumento coroado ) ”...

    By Anonymous GAUCHO, at 6:00 PM  

  • LULA

    VOCÊ precisa EVOLUIR!!!! LER!!! ESTUDAR, PARAR DE ROUBAR O QUE NÃO LHE PERTENCE!!!! Assumir de vez que você adora o bem-bom, as coisas boas do capitalismo e que morre de inveja do Bush e dos EUA.

    VOCÊ precisa EVOLUIR!!!! Abrir a cabeça e parar de fazer e, principalmente, de falar tanta "M"!!!!

    FORA LULA!!!!

    By Anonymous CACÁ, at 6:15 PM  

  • Esta conversa do Lula de ficar comparando pessoas, é para esconder-se de seu mal caráter, é coisa mesmo de gentinha atrasada. Ele me lembra um doméstico.

    By Anonymous Suzana Martins, at 7:45 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home