movimento ordem vigília contra corrupcao

sexta-feira, junho 22, 2007

CRISE AÉREA É O “PREÇO DO SUCESSO”, AFIRMA MANTEGA

Uma semana depois de Marta Suplicy (Turismo) sugerir que passageiros afetados pela crise aérea deveriam "relaxar e gozar", foi a vez de o colega Guido Mantega (Fazenda) opinar sobre o caos nos aeroportos brasileiros.

Principal autoridade da área econômica do governo, o ministro avalia que os repetidos atrasos dos vôos são reflexo "um pouco do preço do sucesso" e da "prosperidade" da economia brasileira. "Há aumento do fluxo de tráfego [aéreo]. É a prosperidade do país, mais gente viajando, mais aviões nas rotas".

Questionado sobre os atrasos de horas nos aeroportos, o ministro chegou a demonstrar irritação quando os jornalistas usaram o termo "caos". "Não há caos aéreo. Há um problema aéreo", respondeu. Assista ao vídeo
aqui

VOANDO
Em novembro, Lula desautorizou o Comando da Aeronáutica e mandou os ministros da Defesa e do Trabalho (?!) negociarem com os sargentos que lideravam a operação tartaruga no controle de tráfego aéreo como se sindicalistas fossem. Não são.

Em 30 de março, quando o movimento já era um sucesso e parou os aeroportos de todo o país, Lula impediu que o novo comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, desse ordem de prisão aos controladores. Em vez disso, despachou o ministro do Planejamento para receber uma lista de reivindicações.

Depois, Lula desfez o que tinha feito e mandou o ministro de volta, mais ou menos dizendo que, desculpem o mau jeito, mas houve um equívoco e ninguém quer negociar nada. Ou seja: devolveu o comando ao comandante e deixou os controladores, que são da Aeronáutica, não da Marinha, a ver navios. Agora, depois do leite derramado, dos brigadeiros batendo cabeça, dos controladores mandando e desmandando, dos aeroportos caóticos, com a imagem do sistema no fundo do poço, Lula dá uma guinada e faz o inverso: diz que está irritado com os controladores e determina que a Aeronáutica desça o pau - com sete meses de atraso.

A situação, obviamente, está muito pior e mais radicalizada do que no início. Os controladores estão fortes e unidos. A Aeronáutica tenta somar um IPM (Inquérito Policial Militar), que é lentíssimo, com prisões administrativas, que podem ser bem rápidas. E os dois lados estão com ódio um do outro. Guerra, afinal, é guerra.

E esta está longe de acabar, porque um problema grave, no meio de tantos, é que há um número muito justo, apertado, de controladores. Falar em demitir 50 de uma vez soa como balela, porque simplesmente não há como inventar um controlador da noite para o dia. A não ser, claro, que alguém assuma esse risco. E quem vai assumir? Por Eliane Cantanhêde - FSP

NÁUSEAS
Nem caos aéreo nem Renan Calheiros, as duas notícias "+ lidas" ao longo da tarde, ontem na Folha Online, eram "Fátima Bernardes deixa "
JN" pela metade" e "Saída de Fátima tem "importância zero", diz Bonner". Anteontem ela se sentiu mal, mas ontem já estava de volta. Piada de Tutty Vasques no site Nomínimo, na nota "Ah, coitada!", reproduzida pelo Globo Online: "Não acontece só com a gente, não. O noticiário provoca náuseas até em Fátima. Nós, pelo menos, podemos mudar de canal". Por Nelson de Sá. FSP

Impunidade
UM CONDENADO DA JUSTIÇA DESAFIANDO A LEI
José Rainha Júnior foi condenado em 2005 a dez anos de prisão por incêndio criminoso e furto qualificado. Recebeu também outras condenações: por porte ilegal de arma e formação de quadrilha, em 2003, e por dano ao patrimônio público, em 2000. Condenado por homicídio em 1997 foi absolvido em 2000. Rainha ganhou o direito de responder em liberdade a condenações que somam 18 anos de prisão.

Ele está impedido por lei de participar das invasões. No entanto, ontem foi a segunda vez que o chefe da quadrilha comandou pessoalmente os ataques às propriedades privadas e produtivas.

Quatro meses depois de promover 14 invasões de fazendas num intervalo de quatro dias, Rainha participou diretamente da nova onda de ações em São Paulo, iniciada ontem. O ataque batizado de "inverno quente" e "operação São João" começou com a invasão de duas propriedades rurais na madrugada de ontem, em Araçatuba. A meta do condenado é invadir 18 áreas até domingo, dia de São João, nas regiões de Araçatuba e no Pontal do Paranapanema. Lugar de criminoso é na cadeia! Estão esperando o quê? – Por Gaúcho/Gabriela.

DENÚNCIAS DE SÍLVIA PFEIFFER ATINGEM AMIGOS DE LULA
A empresária curitibana Sílvia Pfeiffer fez denúncias e acusações ontem, durante a CPI do Apagão Aéreo do Senado, que atingiram integrantes não apenas da cúpula da Infraero, como também aliados e amigos Lula da Silva.

Personagens de escândalos do passado recente, como o Zé Dirceu, o publicitário Duda Mendonça e o Marcos Valério foram citados no depoimento de Sílvia aos senadores. Sobrou até para a ex-secretária de Lula Mônica Zerbinato, que este mês deixou o Palácio do Planalto para trabalhar como chefe de gabinete na Agência de Promoção de Exportações e Investimentos.

Sílvia Pfeiffer tentou contar na CPI que a rotina de pagamento de propina no Paraná se repete em todo o país. Ela revelou que pagou R$ 20 mil ao superintendente de Logística e Carga da Infraero, Luiz Gustavo da Silva Schild. Declarou que uma rede de livrarias deve à estatal, mas continua abrindo lojas nos aeroportos graças à corrupção. A Infraero avisou que estuda providências jurídicas contra Sílvia. O depoimento foi suspenso porque Sílvia Pfeiffer passou mal. Ela volta na próxima terça-feira para concluir o relato. Correio Braziliense

Nós pagamos o dízimo do PT
RECEITA DO PT COM “DÍZIMO” de filiados sobe 545%
O crescimento da máquina administrativa do governo, sua ocupação por petistas e a criação de novos cargos têm rendido bons frutos ao caixa do partido. Nos quatro primeiros anos do governo Lula, houve um salto de 545%, já descontada a inflação, na arrecadação do "dízimo" com filiados que ocupam cargos de confiança no Executivo e Legislativo.

O "dízimo" é um percentual do salário que cada um precisa recolher ao partido.
Só nesta semana, Lula anunciou duas medidas que aumentam novamente o gasto com servidores sem concurso: um reajuste salarial que chega a 140% em alguns casos e a criação de mais 600 cargos de confiança em vários ministérios. Já são mais de 2.000 cargos sem concurso criados pelo petista. No ano passado, só com o "dízimo", o PT arrecadou R$ 2,88 milhões. Em 2002, último ano na oposição, foram R$ 446 mil, em valores atuais. Assinante da Folha
leia mais

O Mensalão existe mesmo, pessoal!
STF ACEITOU DENÚNCIA
Na noite desta quinta-feira (21), em
decisão unânime, STF indeferiu os cinco pedidos de liminar que haviam sido protocolados no tribunal por pessoas envolvidas no caso. A denúncia aponta que existiam empréstimos fraudulentos realizados pelos banco BMG ao PT e ao grupo de empresas pertencentes aos publicitário Marcos Valério. A acusação também atinge o deputado federal José Genoino (PT-SP), ex-presidente petista.

UMA BOMBA SE ARMANDO SILENCIOSAMENTE NOS CORREDORES DA CÂMARA
Enquanto os holofotes estão voltados para a reforma política, uma proposta de emenda constitucional que promete ser uma bomba vai se armando silenciosamente nos corredores da Câmara dos Deputados. É a chamada PEC dos Vereadores (333/2004), que aumenta em mais de 7,6 mil (quase 15%) o número de cadeiras das câmaras municipais de todo o Brasil. Leia a íntegra da matéria no
Congresso em Foco

COMENTÁRIO
- Casos desaparecidos – e a Operação Hurricane? E a Operação Navalha? E o Vavá? Ninguém sabe ninguém viu. Do Fernando Rodrigues

- Eis a razão pela qual a dona Marta consegue “relaxar e gozar”: Ela só
viaja na FAB. Já o diretor da Anac põe equipe para fazê-lo embarcar a tempo. É tanta barbaridade que saí da boca dos congressistas que só nós resta mesmo perguntar “o que será que colocam na água da Esplanada dos Ministérios?” – indagação do Antonio Ryff, do NoMínimo. - Que prosperidade? Se a prosperidade fosse a causa da crise, haveria caos nos aeroportos da China, afirmou o Alexandre Garcia.

Enfim, eles querem nos enlouquecer. É uma agressão atrás da outra. Tudo isto, seguido de invasões, ameaças e greves pipocando por todos os lados. São propriedades produtivas sendo invadidas por condenado da justiça, greves de controladores sindicais que já causaram inclusive a morte de centenas de passageiros, invasões em campus universitários, greves de camelôs incendiários e, agora, até mesmo
greve de coveiros de cemitério, que ameaçam não enterrar os mortos desta guerra.

Vocês acham mesmo que o nosso país está caminhando para o comunismo? Errado! Nós já estamos nele! Toda esta orquestração de desmandos tem o seu por quê! Por Gaúcho/Gabriela (MOVCC)

1 Comments:

  • Acontece que o Mantega acha que todos nós somos idiotas e burros, por esta razão disse a sua aneira, pensando em ser aplaudido pelos companheiros quadrilheiros.

    By Anonymous gabriela, at 9:07 PM  

Postar um comentário

<< Home